Novo CLS – Atleta de alta sedução.

Lançada a terceira geração do modelo CLS, 14 anos depois do seu primeiro lançamento.

Com a introdução do CLS, a Mercedes-Benz criou em 2003, um novo segmento de veículos. Um modelo que pela primeira vez combina a elegância e o dinamismo de um coupé com o conforto e a funcionalidade de um limousine.

A Mercedes-Benz cria agora um veículo mais imponente do que nunca: um novo modelo CLS que incorpora na sua linha de cintura arqueada, vidros laterais de geometria plana e uma superfície vidrada de baixo perfil. Uma exibição de contornos mais suaves, menos angulosos e ainda faróis traseiros LED em duas secções. Ao mesmo tempo, é ainda um exemplo da evolução lógica do idioma de design – Pureza Sensual – onde as arestas e as linhas vincadas foram significativamente reduzidas. O modelo combina harmoniosamente a atual família de modelos coupé da Mercedes-Benz com inúmeras características de design.

O novo CLS está equipado com novos motores de quatro e seis cilindros e disponível nas versões Diesel e gasolina. Tal como os seus antecessores, o CLS revela desportividade num estilo inconfundível: um veículo extremamente emotivo que oferece um impressionante conforto em viagens longas e um elevado isolamento acústico, associados a uma tecnologia incomparável.

A iluminação ambiente é individualmente ajustável em 64 cores, permitindo aos ocupantes escolher qual preferem, incluindo a iluminação das saídas de ventilação. Quando a definição de temperatura do sistema de ar condicionado é alterada, o sistema de iluminação varia rapidamente a cor, demonstrando se o ar está a ser aquecido (vermelho) ou arrefecido (azul).

Auxiliares de condução

À semelhança do novo Classe S, a nova geração do CLS oferece uma extensa lista de dispositivos auxiliares de condução. De série, Active Brake Assist (assistência ativa na travagem), Attention Assist (alerta de cansaço do condutor), Lane Keeping Assist (assistência à manutenção na faixa de rodagem), Pre Safe (proteção dos ocupantes) e o novo Pre-Safe Sound (quando existe um risco de colisão, o sistema prepara o ouvido humano para o ruído que prevê ocorrer em resultado do acidente).

Para além disso, o CLS permite calcular o comportamento do condutor, através de câmaras e microcomputador, interpretando mapas e dados de navegação.

Fonte: Daimler, Turbo

Deixe um comentário